1906

1906

segunda-feira, 29 de junho de 2015

O comunicado depois da AG

Para ler e tirar conclusões.

" 1. Na sequência da conclusão da fase nº 1 da Auditoria de Gestão ao Sporting, pedida pelo Conselho Diretivo (CD) à empresa de auditoria Maazars e assim cumprindo uma importante promessa eleitoral, um conjunto de 76 sócios, perante a verificação de graves irregularidades reveladas no Relatório Final dessa auditoria, solicitou a abertura de processos disciplinares contra os seguintes sócios: Luiz Filipe Fernandes David Godinho Lopes, Luís José Vieira Duque, Carlos Manuel Rodrigues de Freitas e José Filipe de Mello e Castro Guedes.

2. Em face da delicadeza e complexidade do assunto, o Conselho Fiscal e Disciplinar (CFD) decidiu pedir ao CD a contratação de um jurista que fosse, simultaneamente, advogado especializado para instruir processos disciplinares e independente do SCP e do fenómeno desportivo, o Dr. David Carvalho Martins, que foi a nossa escolha.

3. Após algum tempo de espera, também devido ao facto de ter sido necessário obter as autorizações dos autores do relatório de Auditoria por existirem factos confidenciais que tinham de ser analisados, foi possível desencadear as diversas fases dos processos disciplinares a partir de Fevereiro de 2015.

4. No conjunto dos actos praticados, foi este o calendário dos diversos momentos destes quatro processos disciplinares: - requerimento de abertura dos processos disciplinares:

15 de Setembro de 2014;

- entrega oficial do Relatório da Auditoria de gestão da Fase 1:

25 de Setembro de 2014;

- contratação do jurista instrutor para análise do Relatório de Auditoria e apreciação de eventuais ilícitos disciplinares:

Janeiro de 2015; - concessão das autorizações de confidencialidade:

Abril de 2015; - finalização das notas de culpa aos 4 arguidos: 8 de

Maio de 2015; - envio das notas de culpa aos arguidos, explicitando o tempo de resposta (15 dias úteis, com possibilidade de consulta dos documentos no Clube e pedido de outras diligências para a descoberta da verdade):

15 de Maio de 2015; - resposta às Notas de Culpa: responderam, apresentando a sua defesa, Carlos Manuel Rodrigues de Freitas e José Filipe de Mello e Castro (25.5.2015) e Luiz Filipe Fernandes David Godinho Lopes (27.5.2015); - recepção dos quatro relatórios finais do instrutor dos processos disciplinares após serem devidamente apreciadas as respostas dos arguidos:

17 de Junho de 2015;

- decisão final do CFD: 25 de Junho de 2015. 5. A decisão final tomada em 25 de Junho de 2015 pelo CFD foi a seguinte em relação aos 4 arguidos:

- Carlos Manuel Rodrigues de Freitas e José Filipe de Mello e Castro Guedes: arquivamento dos autos por unanimidade de votos dos membros do CFD por terem deixado de ser sócios a seu pedido antes do início do procedimento disciplinar, embora o CFD tivesse feito menção, na sua acta, que os comportamentos enunciados na Nota de Culpa que lhes fora dirigida eram “…muito graves e atentatórios dos superiores interesses do Sporting, devendo, portanto, ser considerados no âmbito de uma eventual proposta de readmissão, nos termos e para os efeitos do artigo 14.º, n.º 2, dos Estatutos…”; - Luís José Vieira Duque: aplicação por unanimidade dos votos dos membros do CFD de uma sanção de suspensão por 1 ano, agravando a sanção disciplinar proposta pelo instrutor (que era a de suspensão por 9 meses), considerando a gravidade das infracções cometidas;

- Luiz Filipe Fernandes David Godinho Lopes: aplicação por seis votos a favor e uma abstenção dos membros do CFD da sanção disciplinar de expulsão, agravando a sanção disciplinar proposta pelo instrutor (que era a de suspensão por um ano), considerando a prática de infracções disciplinares muito graves para a imagem e património do Clube, as quais quebraram, de um modo absoluto e irremediável, a relação de confiança que qualquer sócio merece ter por parte do Clube, no caso com a agravante de se tratar do seu dirigente máximo, o Presidente do Conselho Directivo, no período em apreciação (2011/2013).
6. Nos termos dos Estatutos do Sporting, os arguidos a quem foram aplicadas estas sanções disciplinares têm o direito de recorrer para a Assembleia Geral, nos 30 dias seguintes ao da sua notificação, recurso que é devolutivo no caso de suspensão de um ano e recurso que é suspensivo no caso da expulsão. Mais se esclarece que todos os arguidos foram notificados, por correio electrónico, desta deliberação no dia seguinte, 26 de Junho de 2015, sendo notificado em papel no próximo dia útil, que será 29 de Junho de 2015. Se os arguidos não se conformarem com estas decisões disciplinares, têm a possibilidade, nos termos gerais e como sucede em Estado de Direito Democrático, de recorrer aos tribunais, para fazer valer a sua perspectiva a respeito dos processos disciplinares que, no âmbito do Clube, assim chegaram ao seu termo. Devido à confidencialidade que envolve os processos disciplinares, o CFD está impedido de revelar mais factos, ficando os respectivos processos arquivados nos serviços Clube, bem como esta deliberação registada no Livro de Actas do CFD como Ata nº 33, todos estes documentos à disposição dos arguidos para a sua consulta, não podendo ser, naturalmente, do domínio público, salvo a partir do momento em que os sócios arguidos recorram da deliberação do CFD para a Assembleia Geral do Clube. Neste caso, por definição, os autos dos processos disciplinares devem ficar à disposição da Assembleia Geral para os devidos efeitos.

7. O CFD lamenta que sobre este assunto se promovam ou alimentem campanhas de desinformação ou de manipulação que se destinam a beliscar a seriedade e a regularidade da condução dos processos disciplinares, mandatando o seu presidente para prestar os demais esclarecimentos tidos por convenientes."

Saudações Leoninas

domingo, 28 de junho de 2015

AG dia 28.06 15h30. O dia do arranque?

Daqui a mais ou menos uma hora começa a assembleia geral. É das mais esperadas porque não existe um sportinguista, com excepção para os envolvidos, que não queira saber o que se passou. 

O Observador avançou algumas informações que podemos ler aqui. Não sei se vamos conseguir culpar e responsabilizar alguém por tantas derrapagens, mas a verdade todos devemos saber. 

Acredito que isto sirva para alertar os futuros dirigentes e que se enterre o passado de uma vez por todas. O Sporting precisa de trabalhar e olhar em frente para defender o seu ecletismo e impor-se de vez. Chega de brincar ao monopólio. 


Só quero deixar aqui uma nota que não se enquadra, mas gostava de ouvir o Marco Silva, o Jorge Jesus e o Lopetegui sobre os sub-21. Só por curiosidade.


Saudações Leoninas
   

terça-feira, 23 de junho de 2015

Demorou, mas já és nosso Ewerton!

"A Sporting Clube de Portugal, Futebol, SAD, informa que exerceu a opção de compra dos direitos económicos do jogador Ewerton, ficando com contrato com duração até 2019, e uma cláusula de rescisão no valor de 45 milhões de euros.

A Sporting SAD deseja a Ewerton os maiores sucessos profissionais e pessoais."

Confesso que já estava preocupado com a demora desta contratação. Um central já temos, agora deixa ver quem se apresenta em Julho a acompanhar.

Saudações Leoninas

segunda-feira, 22 de junho de 2015

Camisolas novas?

Se for esta a escolha, estamos apresentados.

O pormenor do preto na camisola Stromp é sublime.

Se os calções forem pretos também, fico muito satisfeito. Não que isso vá influenciar o jogo, mas deixa-me mais feliz.

Jogadores? Isso é para depois, ou pelo menos assim parece.

Saudações Leoninas

quinta-feira, 18 de junho de 2015

A loucura do mercado

Danilo comprometeu-se com Jesus, mas o Antero foi tentar contratar o trinco.

O Bryan Ruiz quer vir mas nunca mais chega.

Depois é o Bruno Alves, mas não sei quem paga.

Cédric ao que parece está fora e se for por 5M, o presidente continua a promover saldos. Se Adrien, que ao que parece vai sair também, tem de valer pelo menos três vezes mais que o lateral.

Apesar disto tudo, as coisas este ano vão ser diferentes porque quem mandará no futebol será Jesus. Na cabeça dele estará o plano para fazer de nós campeões.

Sim, campeões. Com a aposta no JJ não me venham falar em tentativas ou corridas por fora. Este ano é para ganhar.

Em Julho vamos ver quem começa a época, quantos jovens regressam e quais as surpresas. Entretanto vamos lendo os jornais.

Saudações Leoninas

PS: Não esquecer o caso Doyen

segunda-feira, 15 de junho de 2015

O dia hoje

Discussões sobre o futsal.

Guerras sobre a Doyen.

Nada de reforços para a equipa A.

Metade dos jogadores da equipa A vendidos.

O Merlin é nosso. Reforço para o futsal.

Foi um dia normal.

   Saudações Leoninas

PS: Não me falem do Maxi por favor.

domingo, 14 de junho de 2015

Adeus aos grandes Alex, Cristiano e Marcelinho.

"Alex, Marcelinho e Cristiano terminaram o vínculo contratual com o Sporting e estão de saída do Clube depois de muitas épocas de vitórias que não tiveram hoje continuidade por fenómenos externos que voltaram a não permitir manter o sonho da conquista do tricampeonato.

Alex, antigo campeão europeu pelo Action 21, da Bélgica, chegou a Alvalade na época de 2007/08 e conquistou um total de quatro Campeonatos, três Taças de Portugal e quatro Supertaças, cumprindo hoje o último encontro de ‘leão’ ao peito com 35 anos.

Já Marcelinho, que começou a dar nas vistas em Portugal ao serviço do Belenenses, veio para o Sporting em 2010, tendo contribuído para três Campeonatos, duas Taças de Portugal e outras tantas Supertaças antes de uma grave lesão que afastou o brasileiro das quadras durante seis meses, tendo regressado a tempo de ajudar a meio da época, com 34 anos.

Por fim, Cristiano, de 35 anos, chegou a Alvalade em 2003 vindo do Forte da Casa (esteve apenas um ano emprestado, ao Belenenses, em 2005/06) e ajudou os ‘leões’ a ganharem cinco Campeonatos, três Taças de Portugal e quatro Supertaças com alguns golos à mistura apesar de ser guarda-redes.
O Sporting agradece todo o empenho e dedicação que o trio demonstrou ao longo dos muitos anos em que representou o Clube com grande sucesso pessoal e desportivo, como se viu bem na reacção dos adeptos após o final do encontro de hoje no Multiusos de Odivelas."

Que triste. Fico bastante triste porque acredito que Alex e Marcelino podiam ficar. Cristiano seria mais difícil, mas também era possível. Com isto aguarda-se um grande investimento, mas são atletas que deixam marca no nosso clube e mereciam o troféu da despedida.

Palmas de pé para estes senhores.

Saudações Leoninas



Final Futsal 4° jogo: Sporting 2 - 2 Benfica (2-3 p)

Perdemos hoje o título, onde tínhamos obrigação de vencer.

Ontem um dos jogadores mais influentes não jogou, e mesmo assim não aproveitámos.

Vai servir para reflectir. Não eram melhores que nós, mas pensávamos que sim.

Nuno Dias é para continuar, mas o banco é para reforçar.

sábado, 13 de junho de 2015

Que tudo esteja preparado.

"A Doyen irá apresentar os testemunhos de Godinho Lopes (antigo presidente do Sporting) e do presidente do FC Porto, Pinto da Costa, como testemunhas a seu favor contra o clube de Alvalade por causa do processo em torno da transferência do argentino Marcos Rojo (Manchester United).

Para além de Godinho Lopes e Pinto da Costa, a Doyen também irá contar com os testemunhos de Pedro Sousa (ex-funcionário do Sporting), Nobre Guedes (ex-dirigente do Sporting), Paulo Gonçalves (assessor jurídico do Benfica), que irá representar Luís Filipe Vieira), Adriano Galliani (administrador-delegado do Milan), Gil Marín (conselheiro-delegado do Atlético Madrid), Florentino Pérez (presidente do Real Madrid) e Monchi (diretor de futebol do Sevilha) fazem parte da lista de testemunhas da Doyen no processo contra o Sporting.
O fundo defende que o emblema leonino tem de pagar 16 milhões de euros em relação à transferência do argentino e a SAD do Sporting alega que a intromissão da Doyen impediu que o valor do negócio não atingisse os 30 milhões de euros, tendo ficado pelos 20 milhões de euros." retirado de abola.pt


Estamos numa fase fundamental para o clube. Avançámos para muitas guerras, mas o braço de ferro com a Doyen é uma das mais importantes, se não mesmo a mais importante. 

Em caso de vitória, o Sporting impõe-se como clube sem medo e que respeita os compromissos, não permitindo que lhe passem a perna. Em caso de derrota, nem quero pensar no peso financeiro que isso vai ter. 

Não compreendo alguns, para não dizer a maioria, sportinguistas. Sejam sinceros, qual era a vossa dúvida sobre a participação de Godinho nesta investigação? Ele era o presidente, foi ele que fez acordo e é fundamental para o fundo que ele vá testemunhar o bom serviço e objectividade da maneira de trabalhar.

Não estava a contar que Pedro Sousa fizesse parte da lista. Tal com Ribeiro Cristóvão, é um nome que me habituei a ouvir pela rádio no acompanhamento aos jogos e na altura quando foi para assessor de imprensa do clube acreditei que a comunicação iria melhorar, mas com tantos problemas as coisas não correram bem. Quero ver qual será o seu papel. 

Os restantes nomes que o jornal Abola avança, são pesos pesados e quero acreditar que o presidente quando avançou com o processo se tenha acautelado para todos eles e todos os argumentos que possam vir a ser utilizados. 

A campanha para o próximo mandato começa quando saírem os resultados deste processo. Ainda agora a época terminou, e os adeptos já estão mais nervosos do que em todo o ano desportivo.

Todos queremos união mas com tantos assuntos, estamos mais preocupados com croquetes ou brunistas, e todos se esquecem qual o seu papel. Ser Sportinguista. 



Saudações Leoninas    

Final Futsal 3º jogo: Sporting 1 - 3 Benfica

Falhar hoje não era permitido. Mais nada a dizer.

quinta-feira, 11 de junho de 2015

Saída limpa

"Vivemos no Sporting Clube de Portugal um novo momento. Nesta fase nova em que o Clube se encontra existe a oportunidade de consolidarmos decisões que aguardavam pelo final da época desportiva. Augusto Inácio, enquanto figura preponderante na nossa estrutura desportiva para o futebol auxiliou na ponderação da hipótese da contratação do nosso novo treinador principal e abraçou com o Presidente a oportunidade que, entretanto, surgiu. Fê-lo com o habitual e conhecido sentido de Missão e dedicação ao Clube. O mesmo Clube que, ao longo da época desportiva, planeou com Augusto Inácio a temporada desportiva que agora se avizinha. Nesse sentido, chegou o momento oportuno de Inácio abraçar este novo desafio da nossa promissora e desafiante actividade: as Relações Internacionais do Sporting Clube de Portugal no que diz respeito à prospecção, desenvolvimento e operacionalização de protocolos com clubes estrangeiros, sobretudo na área da cooperação técnica. O desafio foi, em rigor, colocado de parte a parte e, conforme devidamente planeado, está na hora de ser colocado em marcha. Com a nova competência entregue a Augusto Inácio, o Clube fica reforçado numa área por onde passa grande parte do nosso futuro."

Não tenho muito a dizer sobre isto. Acho que o futebol não se deve ressentir. As coisas estão a mudar.

   Saudações Leoninas

quarta-feira, 10 de junho de 2015

Um pensamento

Numa conversa surgiu esta frase:

- "nos últimos cinquenta anos fomos campeões sete vezes!".

Confesso que não liguei, mas fiquei com a ideia na cabeça e fui consultar. Confirma-se, vencemos em:

- 65/66;
- 69/70;
- 73/74;
- 79/80;
- 81/82;
- 99/00;
- 01/02.

Continuando com os números, a nossa média de campeonatos é de aproximadamente a cada sete anos. Sobraram quarenta três campeonatos, um para o Boavista, vinte para o Benfica e vinte e dois para o Porto. 

Qual é o meu objectivo? Fazer-vos pensar. Já repararam que os principais rivais conquistaram praticamente três vezes mais o troféu principal? Podem-me explicar o que se passou?

Eu, as pessoas que estão a ler e todos os outros sportinguistas temos responsabilidade. Ora em más escolhas para os nossos representantes, defendemos o ecletismo mas deixámos cair um pavilhão e depois ainda nos perguntamos o que aconteceu quando tudo se foi perdendo. 

Acredito que nem todos os que cometeram erros o fizeram propositadamente, provavelmente tentaram o melhor para o clube que defendiam. Ou então estou aqui a escrever de forma muito inocente, sem querer admitir que possam ter utilizado a instituição em proveito próprio.    

Tenho muita curiosidade na auditoria, tal como quero saber os mais variados motivos para o despedimento do Marco Silva e quanto custa a próxima época. 

Nestes últimos dias aparecem os anteriores lideres e respectivos assessores a falar, e não dizem nada. Insultos fáceis e ataques pessoais são o argumento. O nosso actual presidente também não se fica, respondendo, e provoca uma sessão de lavagem de roupa suja, nunca antes vista. 

Ainda ontem Godinho Lopes foi falar na RTP, pela segunda vez, e já o presidente respondeu. 

Faço um apelo, aos do passado que permaneçam por lá e respondam quando forem solicitados. Já conhecemos os resultados desportivos e os financeiros em breve estarão mais detalhados, nessa altura poderemos conversar com quem tiver responsabilidades. Ao actual presidente peço que segure esse sangue fervoroso e não passe a vida a dar respostas a tudo e todos, com algumas excepções de seu nome José Eduardo, porque como se costuma dizer, pela boca morre o peixe. 


Gostava que o nosso clube tivesse uns dias tranquilos, sem grandes conversas e com muito menos ataques. Eu sei que as ideias são bem diferentes, mas deve imperar o respeito por quem manda. Agora é a vez do Sporting com as ideias do Bruno de Carvalho e continuamos todos leões. 

Eu estou do lado do presidente com este all in. Apostar tudo em Jesus é dizer que quer ser campeão. Provavelmente também fez as contas dos campeonatos e percebeu que isto não são números para um "grande". 

Como já disse anteriormente noutros textos, e agora usando outro exemplo, vamos deixar de ser hienas e voltar a ser leões. Bom feriado.




Saudações Leoninas  




terça-feira, 9 de junho de 2015

Curtas quase despercebidas

O Sporting chegou a acordo com Azbe Jug, guarda redes de 23 anos, foi contrato por cinco anos. 

Não conheço, ainda não tive tempo de investigar, mas deverá ser a preparação para a saída de Marcelo e/ou Luís Ribeiro.

No corpo técnico, Nélson, treinador de guarda redes, renovou até 2018. Partilho a felicidade do próprio, se é competente, faz o que gosta e no clube que também é a sua casa temos as condições para continuar uma excelente relação.

Também João de Deus, técnico da equipa B, se vai manter por mais três épocas. Com um início "estranho" da equipa secundária,  a partir de Janeiro foram as coisas estabilizando e cumpridos os objectivos. O treinador ajudou a formar e lançar jogadores, sendo essa a sua principal função, por vezes esquecida por muitos.

Na formação, foi uma época estranha com os resultados dos juvenis e a fase regular dos juniores, em que os adeptos ficaram na dúvida sobre o valor dos jovens leões. Mas creio que termina de forma positiva, fazendo os adeptos acreditar no projecto.

Boa sorte ao reforço e boa continuação aos que já cá estavam.

     Saudações Leoninas

segunda-feira, 8 de junho de 2015

Entendimento

Croquetes, Brunistas, Marquistas, Bifanas e Bufas.

Neste clube vale tudo. Ofensas em grupos de apoio e ninguém se entende. Dirigentes que aparecem com a mesma velocidade a que desaparecem,  tudo ao ataque e tudo na defesa.

Quando a bola rolar e ganharmos o primeiro jogo, vão aparecer a aplaudir. Se correr mal, vão chover críticas de gumes bem afiados.

Importam-se de ser sportinguistas? Ainda se lembram do que isso é, ou a sede de criar grupos dentro de grupos é superior?

Sabem que é um campo com duas balizas e onze para onze?

Isto é para todos, ultimamente falamos de tudo menos futebol.

Pensem nisso.

   Saudações Leoninas

sexta-feira, 5 de junho de 2015

Adeus Marco!

"Nos termos e para efeitos do cumprimento da obrigação de informação que decorre do disposto no artigo 248º, nº1 al. a) do Código dos Valores Mobiliários, o Conselho de Administração da Sporting Clube de Portugal –Futebol, SAD, vem comunicar que, não tendo sido possível chegar a acordo, o Treinador Marco Silva foi hoje informado do seu processo de despedimento por justa causa.
Nesse sentido, foram dadas indicações expressas para de imediato serem levados a cabo os necessários procedimentos.

Lisboa, 4 de Junho de 2015
O Conselho de Administração"


Marco, aqui neste espaço mais leve fartei-me de discutir contigo. E como já disse, e repito agora, empatar duas vezes com o Paços e com o Belenenses foi demais. Aliás, digo que perdeste a minha confiança com o empate no Restelo. Depois do que se tinha passado na jornada anterior, o Sporting tinha de dar uma resposta forte e falhámos. Outra vez. 

Estou do teu lado quando foram cobardes, sim presidente esta é para ti, em Dezembro ao usar o José Eduardo e decretar um blackout. Provavelmente para te despedir na altura. Mas não fizeram, e isso foi uma falha. 

Vencemos a Taça e com isso garantiste o respeito de todos. Menos do teu patrão. Não sei como foram estes meses, mas acredito que não falte muito tempo para uma entrevista porque quero ouvir o teu lado. Desejo que compreendas o meu. Poderias perfeitamente ter vencido este ano mais um troféu. O principal. Transforma cinco empates em vitórias tens a tua resposta, e acredito que tinhas condições para isso. De qualquer maneira, não merecias o método utilizado e se a presidência tiver consciência resolve isto antes.

Sabendo o que a tua saída provocaria, a presidência vai buscar o treinador campeão ao rival. Mas sobre isso, falo noutra altura. Hoje é sobre ti. 

Segundo o Rui Oliveira e Costa, nestes casos o patrão costuma ter razão em 7% dos casos. Estou curioso para saber qual será a justa causa.

Para terminar Marco, obrigado pela Taça. Obrigado pela sobriedade e pelo excelente comportamento que tiveste publicamente. Acredito que vais evoluir e vencer muitas coisas, não te desejo mal. Só quero que percebas o meu lado. Ainda hoje acredito que o campeonato a que assistimos estava ao teu alcance, e no fundo acho que tu também sabes. De qualquer das maneiras isto não justifica desonestidade.

Aproveito só para mais duas notas:

- um abraço para o Inácio. Que corra tudo bem para o futuro;
- Presidente Bruno, explique tudo rapidamente para o assunto seguir em frente. Agora quero ver o que o Sporting pode e deve fazer.



Saudações Leoninas     




quinta-feira, 4 de junho de 2015

Em choque

Estou em choque e na defensiva.

Jesus no Sporting.
Vitória no Benfica.
Marco para fora do país.

Só quando vir a apresentação é que acredito. Mas repito, estou em choque.

     Saudações Leoninas

quarta-feira, 3 de junho de 2015

A época ainda não terminou porque...

...só terminará quando tivermos a confirmação da continuidade do treinador. 

Esta conversa dos três anos mas sem dar certezas, anda a deixar os sportinguistas confusos. Já se fazem petições e se isto não é ridículo, não sei o que será. 

Para dar um exemplo, das poucas coisas que aprendi com o actual treinador dos rivais da Lisboa, é que a estrutura tem de estar bem coordenada. Quando estava no Belenenses dizia que ele, o presidente e um terceiro elemento seguravam o clube. Após a saída deles, os dos Restelo desceram de divisão. 

Se o Bruno, o Inácio e o Marco não estão em sintonia o clube não pode estar bem. Ou se entendem, ou se separam. E se em Janeiro já era complicado justificar, agora depois da Taça será mais difícil. Resta aguardar serenamente, ou não, por quem tem o poder de decisão.


Para acabar deixo aqui um nome do qual nem me tinha lembrado e me foi hoje dito em conversa privada, Paulo Sousa. Agora é esperar.





Saudações Leoninas  

segunda-feira, 1 de junho de 2015

Durante e após!

Um telefonema da avó ao intervalo: como estás?

Eu: muito triste
Avó: até podia marcar penalti, mas colocar o rapaz na rua pareceu-me mal. Expulsar foi demais, até virei as costas para o teu avô não me ver chorar.
Eu: É verdade, mas o do Braga foi perdoado. A chorar já tive eu.
Avó: o teu avô está danado a ofender toda a gente, olha é o que há.

Final dos 90 minutos.

Avó: já viste? O teu avô saiu de casa, fui atrás dele a gritar.
Eu: já chorei outra vez, mas agora estamos cansados.
Avó: Ainda nos safamos.

Final dos penaltis.

Eu: Ganhámos avó, Ganhámos. (lágrimas por todo o lado)
Avó: nem acredito, isto é uma maluqueira.
Eu: vou para Alvalade.
Avó: cuidado com a polícia.
Eu: eu não quero saber, vamos para a festa!

Ao intervalo, a mensagem do Pedro deu força. Relembrar a meia final de 2008.

Durante o jogo a namorada Sara, a sofrer em silêncio, ajudou-me muito a acalmar.

Depois? Depois foi festa! Obrigado a quem esteve comigo em Alvalade, e adorei festejar com o meu primo Guilherme. Aos nove anos festejou com alegria.

Hoje as jubas estão em altas. Sobre o resto, amanhã ou depois.

Saudações Leoninas