1906

1906

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Supertaça: FC Porto 2 - Paços de Ferreira 0

Ontem foi dia de supertaça e à terceira final o Porto ganhou o trofeu.
Um jogo que começou virado para a baliza dos dragões, dado que os castores entraram com toda a garra e mostrar que têm equipa para este apesar de todas as trocas que existiram no plantel. A figura central do Paços continua a ser Cristiano.
Depois de oportuidades de golo para os dois lados, surge um golo do Porto na segunda parte caido do céu com uma oferta do guarda-redes Cássio, que tem prejudicado muito a sua equipa com estes "pequenos" erros.
A partir do golo, os dragões dominaram o jogo chegando ao segundo golo com facilidade e não marcou mais porque Cássio redimiu-se com um bom par de defesas.
Gostei muito de dois jogadores, Bellluschi que demonstrou ser um bom sucedor de Lucho, e Varela que é mais um produto leonino que é recuperado por outros clubes.
Também tenho de destacar Farías, que apesar de todas as noticias que dão a sua saida e de outros avançados que chegaram ao Porto, ele continua a marcar e a resolver.

FC Porto: Helton, Fucile, Rolando, Bruno Alves, Álvaro Pereira, Fernando, Belluschi (Farías, 46), Raul Meireles (Guarín, 90), Mariano (Tomás Costa, 74), Hulk, Varela;

Não utilizados: Nuno, Miguel Lopes, Maicon e Valeri;

P. Ferreira: Cássio, Filipe Anunciação (Carlitos, 65), Ricardo, Ozéia (Coelho, 82), Kelly, Jorginho, Leonel Olímpio, Pedrinha (William, 68), Baiano, Romeu Torres, Cristiano;

Não utilizados: Coelho, Maikon, Fábio Pacheco e Leandrinho;

Marcadores: 1-0, Farías (1-0); 2-0, Bruno Alves (89)

domingo, 9 de agosto de 2009

Benfica 1 - Milão 1 (5-4p)

Ontem o Benfica demonstrou mais uma vez que tem um bom onze, com ideias bem assimiladas e com plena capacidade de entrar na área de finalização. Sinceramente estou convencido que este o ano o Benfica vai ser muito forte, porém também foi possivel verificar que as ideias não chegam ao banco, pois com duas ou três alterações a equipa não corresponde ao esperado, algo a resolver por Jesus.
Quanto ao Milão demonstrou ser uma equipa muito abaixo do esperado. Mesmo faltando alguns jogadores importantes na equipa, Leonardo terá ainda muito trabalho pela frente.
Em relação ao jogo foi dominado pelo Benfica quase durante todo o tempo, sempre com vontade de atacar. Ao longo do jogo o Milão pouco fez e apenas na parte final consegui-o impor-se.
Depois do 90 minutos o jogo foi para as grandes penalidades onde Quim foi a figura ao defender quatro penaltis, e a festejar no fim de forma agressiva com os adeptos. Apesar de todas as razões existentes para este tipo de atitude foi um pouco despropositado.

Benfica:
Quim, Rúben Amorim, Luisão, Sidnei, David Luiz (Shaffer, 52), Javi Garcia (Yebda, 72), Ramires (Carlos Martins, 46), Di María (Fábio Coentrão), Aimar (Patric, 64), Saviola (Keirrison, 64), Cardozo (Weldon, 64);

Não utilizados:
Moreira, Júlio César, Roderick, Urreta, Nuno Gomes, Luís Filipe, Miguel Vítor;

AC Milan:
Storari; Zambrotta, Thiago Silva, Nesta (Onyewu, 79) e Favalli (Antonini, 73); Abate, Pirlo e Jankulovski; Di Gennaro (Ronaldinho, 56); Pato e Borriello;

Não utilizados:
Kalac, Oddo, Strasser, Zigoni e Ikande;

1-0, Cardozo (58); 1-1, Sidnei (87 p.b.)

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Nós na Europa

Depois da eliminação de Braga e de Paços de Ferreira, resta esperar que o Benfica, Nacional e o milagreiro Sporting consigam os seus objectivos de chegar à Liga Europa e Liga dos Campeões, respectivamente.
O sorteio não foi muito favoravel para os portugueses.

Liga dos Campeões:

Sporting - Fiorentina

Liga Europa:

Benfica - Vorskla Poltava
Nacional - Zenit


Em relação a Sporting trata-se de uma eliminatória muito complicada, pois é uma equipa italiana e ninguém esqueceu a Udinese. Quanto ao Nacional será uma tarefa complicada com o Zenit vencedor da extinta Taça Uefa em 2008. o Benfica parece ter um tarefa mais facilitada com o Vorskla Poltava pois parece uma equipa desconhecida, porém podem existir surpresas.
Boa Sorte a todos!

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

O que se passa por cá...

Em relação ao Sporting só existe uma única palavra para descrever o que se passou na 2ª mão da 3ª eliminatória da Liga dos Campeões, Milagre. No ultimo minuto e depois de uma equipa que não mostrou vontade nem jeito para passar, tem mesmo de ser considerado sorte. Felizmente para os adeptos e para os portugueses em geral porque precisamos dos pontos na uefa. Em relação a este jogo só falta acrescentar que fiquei surpreendido com Caicedo pela positiva, vamos esperar mais um pouco para ver o seu valor.
É de esperar mais por uma equipa que manteve a totalidade dos seus jogadores.


Em relação ao Benfica tenho de dar os meus parabens ao Jorge Jesus porque colocou o Benfica a jogar um bom futebol com muitos golos. Tenho a certeza que este ano o campeonato será bastante competitivo para os lados da luz. Com uma boa equipa e bons jogadores que irão competir bastante por um lugar no onze de Jesus.
Quanto ao Porto penso que apesar das onze mudanças e da perda de Lucho e Lisandro, reforçou-se com muitos (bons) jogadores, penso que a principal surpresa é Silvestre Varela que ao que parece e aproveitando as lesões poderá agarrar o lugar. O Porto quanto a mim parte à frente neste campeonato.
Quanto aos outros clubes na primeira liga, fiquei ligeiramente desiludido com o Braga em relação ao jogo da Liga Europa, mas continuo curioso como Domingos Paciência irá colocar em práctica as suas ideias aos jogadores arsenalistas.
Quero dar os meus parabéns ao Paços de Ferreira, pois tudo fez para tentar ir mais longe na Europa.
Tenho bastante vontade de ver equipas como:
-O Leiria lutador de Manuel Fernandes;
-O campeão Olhanense de Jorge Costa;
Em relação aos restantes clubes ainda não tive oportunidade de me informar sobre eles mas penso que será uma época dificil para o Setúbal apesar do seu novo treinador e também para o Guimarães com a saida de Cajuda que talvez não terá sido uma boa escolha apesar de toda a polémica.