1906

1906

quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Próximo Jogo dia 26.09 20h30: Sporting - Porto

Lista de convocados: 

Guarda-Redes: Rui Patrício e Marcelo Boeck:

Defesas: Cédric, Ricardo Esgaio, Maurício, Naby Sarr, Paulo Oliveira, Jefferson e Jonathan Silva;

Médios: William Carvalho, Oriol Rosell, Adrien, João Mário, André Martins, Carrillo, Carlos Mané, Nani e Capel; 

Avançados: Montero, Slimani e Tanaka.

Hoje já tivemos uma meia vitória, como se pode ler:

"A Comissão Arbitral deu razão à Sporting SAD no processo relativo à transferência de João Moutinho para o AS Mónaco, sublinhando que nenhuma despesa relacionada com a alienação do jogador pelo FC Porto deverá ser deduzida na contabilização dos 25% da mais-valia que pertenciam à Sporting SAD.

Em resumo, e tendo em conta que o jogador saiu por 11 milhões de euros e foi vendido por 25 milhões, a sociedade ‘leonina’ receberia 3,5 milhões por deter 25% da mais-valia. No entanto, o FC Porto atribuiu o direito a apenas 2,8 milhões, dos quais a Sporting SAD só receberia 1,7 milhões. A justificação passava pelo pressuposto errado da expressão “mais-valia”, usada num sentido técnico-contabilístico onde todos os custos associados a essa alienação (nomeadamente as comissões de agente) seriam deduzidos antes de se avaliar o montante da mais-valia de onde seria calculada a percentagem de 25%.

A Comissão Arbitral avaliou o caso e deu razão à argumentação da Sporting SAD.
Em paralelo, o órgão considerou que os 25% da mais-valia já incluíam o mecanismo de solidariedade do Sporting, sustentando que quando os negócios de transferências de jogadores são feitos pelo próprio clube formador – como é, de facto, o caso –, o preço da alienação é visto como um todo, não devendo autonomizar-se a questão.

A Sporting SAD não concorda com este ponto de vista e irá recorrer desta decisão."

Apesar de poder estar presente, amanhã vão estar lá amigos meus e vossos. Através deles, vamos estar lá também. Seja a ver na televisão, ou a ouvir na rádio ou até mesmo a espreitar no telefone, amanhã todos juntos vamos ser uma só voz contra quem nos tem feito mal.

Amanhã em Alvalade os três pontos são nossos.


O meu onze:

Guarda-Redes: Rui Patrício;

Defesas: Cédric, Maurício, Naby Sarr e Jefferson;

Médios: William Carvalho, Adrien e João Mário; 

Avançados: Nani, Carrillo e Slimani;


Vai ser um jogo duro. Vamos para cima deles. 


Saudações Leoninas



PS: Mais um agradecimento ao Godinho e aos defensores actuais. Abaixo a explicação:

"Os clubes participantes nas competições Europeias, em provas da UEFA, têm de cumprir um conjunto de requisitos em termos do Licenciamento de Clubes da UEFA e dos Regulamentos do Fair-Play Financeiro.

Como já era do conhecimento público a Administração da Sporting SAD presidida pelo Engº Godinho Lopes ultrapassou os valores limites do fair-play financeiro, não cumprindo nas épocas de 2011/12 e 2012/13, os valores definidos como deficit máximo permitido, apresentando 45,9 milhões de euros e 43,8 milhões de euros, respectivamente, ao invés dos máximos permitidos.

Recordamos que este facto foi repetidamente alertado pela actual Administração da Sporting SAD e pelo Conselho Directivo do Sporting Clube de Portugal, desde a sua tomada de posse, junto dos Sócios e adeptos, nomeadamente em diversas intervenções públicas.
A actual Administração da Sporting SAD, desde a primeira hora do seu mandato, tomou conta com responsabilidade desta realidade e desde logo adoptou um conjunto de medidas rigorosas para inflectir a difícil situação encontrada e poder vir a cumprir todos os requisitos necessários ao fair-play financeiro.

Os resultados destas medidas são já visíveis, nomeadamente com o plano de reestruturação financeiro aprovado com os bancos e os resultados apresentados relativos à última época, com o regresso aos lucros e uma melhoria de cerca de 44 milhões de euros. No plano desportivo, assinala-se também o regresso à Liga dos Campeões. Muito se tem feito mas também é verdade que muito há ainda por fazer.

No entanto, a situação infelizmente herdada e que viola o estipulado em termos do exigido ao nível do fair-play financeiro obriga a que a Comissão de Controlo Financeiro de Clubes da UEFA dê inicio a uma investigação aos factos anteriormente referidos no âmbito das suas competências.

O Sporting irá colaborar com toda a investigação da Comissão de Controlo Financeiro de Clubes da UEFA respondendo às solicitações que lhe forem colocadas, demonstrando todo o esforço desenvolvido, as medidas aplicadas e os resultados já registados para cumprir o fair-play financeiro.

Este tema não é novo, é apenas mais um dos problema graves e complexos com que nos debatemos diariamente."

Sem comentários:

Enviar um comentário